Blog

“Núcleo de Práticas Jurídicas da FG amplia ações junto à comunidade”

13 de janeiro

 

O Curso de Direito da Faculdade Guarapuava, que completa 22 anos, vai ampliar os serviços prestados à comunidade. Nos últimos cinco anos, o Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ), que funciona como escritório modelo para os alunos do curso, fez aproximadamente 800 atendimentos a pessoas ou famílias carentes.

De acordo com estimativas feitas pela coordenação do Núcleo, os atendimentos feitos nesses últimos cinco anos importaram em uma economia para a sociedade de aproximadamente R$ 2 milhões. A partir deste ano, o NPJ está sendo remodelado, de forma que atue, além de um escritório modelo, também como um programa de extensão universitária.

Dessa forma, vai buscar a captação de projetos em parceria com os diversos órgãos do Estado, ampliando a atuação assistencial do Núcleo. Bem como, reforçar o espaço do curso de Direito da Faculdade Guarapuava em ações com repercussão para a sociedade.

O NÚCLEO DE PRÁTICAS JURÍDICAS

O NPJ foi instituído com a finalidade de propiciar ao aluno do curso de Direito exercitar a prática do conteúdo aprendido em sala de aula. Isso ocorre por meio da vivência de situações reais de trabalho, dentre elas o contato com o cliente e a elaboração de petições. Além disso, a navegação no sistema em que tramitam os processos eletrônicos do Poder Judiciário do Estado do Paraná.

Assim, durante o curso os alunos orientados pelos seus professores, desenvolvem atividades práticas por meio das demandas jurídicas reais. Essas são concretizadas pelo atendimento jurídico gratuito disponibilizado à população que necessita de auxílio e não tem condições financeiras para contratar um advogado particular.

Atualmente atuam no NPJ dois advogados e uma assistente social, responsável pela triagem das demandas aos serviços do Núcleo. Como Direito de Família, execução e revisão de alimentos, divórcio, investigação de paternidade e guarda. Assim como, regulamentação de visitas, alvará judicial, reconhecimento e dissolução de união estável.

Ainda há demandas de regulamentação de guarda, visitas, alimentos, divórcio, interdição e curatela, além de ações de interdição e substituição de curatela e de retificação de registro civil. Trata-se, portanto, de um projeto de responsabilidade social de grande importância e que promove ações de relevante alcance junto à comunidade mais vulnerável de Guarapuava e Região.

O NPJ fica na Rua Afonso Alves de Camargo, 1775, Centro, no 3º andar do prédio da Rádio Difusora, e funciona de segunda a sexta, das 8h30 às 11h30.

Relacionados

NOVO

Série de projetos de extensão: Faculdade Guarapuava realiza quatro projetos com os alunos do curso de Direito

O primeiro consistiu em uma visita técnica ao fórum e na doação de obras literárias à Penitenciária Industrial de Guarapuava   Os...

NOVO

Coleta seletiva de dispositivos eletrônicos

No dia 12 de junho de 2024, ocorreu nas dependências da FG uma iniciativa significativa: a coleta seletiva de dispositivos eletrônicos obsoletos,...

NOVO

Exposição das maquetes desenvolvidas pelos alunos do 7° período da disciplina de Construções Rurais do curso de Agronomia!

Confira a exposição das maquetes elaboradas pelos alunos do 7º período da disciplina de Construções Rurais do curso de Agronomia! Durante...

Fique por dentro!

Inscreva-se e receba as novidades.

Converse pelo Whatsapp

Entraremos em contato assim que possível.